Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2012 São José da Laje recebe obras da Reconstrução
26/03/2012 - 08h55m

São José da Laje recebe obras da Reconstrução

Governo entregou pontes, estradas e vias urbanas no município

São José da Laje recebe obras da Reconstrução

Ponte inaugurada pelo Governo de Alagoas em São José da Laje

“O governo federal tem dado bastante atenção ao nosso Estado, inclusive mudando normas e convenções para atender a população carente, especialmente aqueles que perderam tudo nas enchentes de 2010. Os projetos que existem hoje são bem feitos porque optamos pela ética, por um governo sério e transparente. Por isso, conquistamos respeito e voltamos a receber recurso federal”, destaca o governador Teotonio Vilela durante a inauguração de nove obras da Reconstrução na manhã desta sexta (23), em São José da Laje.

As obras incluem a reconstrução da Ponte Engenheiro Reimar Ellrich, com 72,20 m; Ponte Prefeito Oscar Alves de Andrade, com 72,20 m; Ponte Genésio Pedrosa Filho, com 54,15m; Ponte Manoel Ribeiro das Neves, com 30,00 m; duas vicinais Caruru, 12 km, e Espalhado, 4 km. Ainda serão entregues as vias urbanas Rua Prefeito Antônio Ferreira, Rua Zumbi e Rua São José, perfazendo o total de 2800m² de vias reconstruídas. 

 Para o aposentado José Olímpio bezerra, a cidade de São José da Laje nunca esteve tão bonita. “Eu vivenciei as três últimas cheias da região da Laje. A de 2010 foi a pior cheia de todas, mas a que teve a recuperação mais rápida. Estamos muito satisfeitos e orgulhosos com o nosso governo que nos devolveu a auto-estima e qualidade de vida”, afirma.

Durante seu discurso, o secretário da Infraestrutura, Marco Fireman, ressaltou a qualidade das obras entregues. “São obras finalizadas e com qualidade, fruto do trabalho honesto que esta dando certo. Os recursos da reconstrução destinados a Alagoas estão sendo bem aplicados, e, por isso, atraímos cada vez mais recurso para obras que promovem o bem-estar de todos e o desenvolvimento do Estado”.

O vice-governador e coordenador da Reconstrução José Tomaz Nonô falou do compromisso do governo estadual para reconstruir os municípios afetados pelas enchentes. “Estamos reconstruindo Alagoas e tudo que está sendo entregue agora é muito melhor do que o que tinha antes das enchentes”, destaca. 

Temos nove escolas, uma secretaria de saúde, estradas e pontes, todas reconstruídas após a enchente. A cidade está mais bonita do que nunca”, destaca o prefeito de São José da Laje, Márcio Lira, o Dudui. 

Participaram do evento o senador Benedito de Lira, os deputados estaduais João Henrique Holanda Caldas  (JHC) e Antônio Albuquerque, prefeitos da região, representantes do DER e demais autoridades. 

Sistema de abastecimento de água e construção de casas

Ainda nesta sexta (23), o Governo de Alagoas assinou a ordem de serviço para a obra do Sistema Integrado de Abastecimento de Água de Santa Luzia do Norte, Coqueiro Seco e Satuba, que vai ampliar a oferta de água nos três municípios, a partir da captação pelo Rio Remédios. O governador Teotonio Vilela Filho e o secretário de Estado da Infraestrutura, Marco Fireman, também participaram da assinatura do contrato para a construção de 143 casas em Santa Luzia do Norte, por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida.

O Sistema Integrado de Abastecimento de Água inclui a construção de uma estação de tratamento na divisa entre Coqueiro Seco e Santa Luzia, com capacidade para bombear 80 litros de água por segundo. Por meio de 11,5km de novas redes adutoras, a água tratada será conduzida para os três reservatórios que serão construídos em Coqueiro Seco (capacidade de 400 m³), Santa Luzia (460 m³) e Satuba (800 m³).

Já as 143 casas serão construídas no residencial Desembargador José Fernandes de Holanda Ferreira, cujo projeto foi desenvolvido pela Prefeitura de Santa Luzia do Norte, em parceria com o Governo Estadual. O residencial é reservado para pessoas que ganham até três salários mínimos mensais e vai reduzir o déficit habitacional no município. Pelo projeto, 3% das casas serão adaptadas para deficientes físicos e são garantidas áreas para equipamentos comunitários e arborização, além de completa infraestrutura externa.

Texto: Ariana Maurício e Juliana Duarte

null

 

Ações do documento
Logomarca
Configuracoes do Tema Fabrica

consulta_de_multas.jpg

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

null

Portal da Transparência

fale_com_o_diretor_presidente.jpg

abder.jpg

diario_oficial.jpg